Pubicado em: seg, jul 24th, 2017

Prefeitura realiza audiências públicas com as comunidades para planejar ações para Cuiabá

A Prefeitura de Cuiabá realizará uma série de audiências públicas com as comunidades para planejar ações de transformação para a Capital. Ao todo, quatro encontros serão realizados, a fim de dialogar o Plano Plurianual (PPA) do município para os próximos quatro anos com a sociedade civil organizada, associações de moradores e demais entidades interessadas. As reuniões visam apresentar a proposta projetada pelo poder público e ouvir a população quanto às necessidades de cada região.

“Compartilhar as iniciativas que a Prefeitura pretende realizar com o povo cuiabano é uma obrigação que cabe a nós, como gestores, além de ser uma determinação muito clara do nosso prefeito Emanuel Pinheiro. Não podemos governar nossa cidade sem que a parte mais importante seja inserida em todo este processo e as audiências públicas estabelecidas objetivam – justamente – trazer os munícipes para dentro da gestão de sua cidade. Projetamos nosso plano de governo para os próximos anos a partir de uma minuciosa análise, que diagnosticou as principais falhas estruturais e socioeconômicas existentes e quais as intervenções necessárias para que elas sejam solucionadas. Mas, antes que o PPA possa seguir o seu curso para entrar em vigor em 2018, precisamos ouvir a sociedade como um todo. Queremos saber quais são as maiores deficiências, para que este plano contemple transformações significativas, que venham ao encontro dos contribuintes de forma geral”, afirmou Jesus Lange Adrien, secretário municipal de Planejamento.

As audiências públicas contemplarão as quatro regiões da cidade, sendo a área oeste a primeira a sediar o diálogo com o município, no dia 25 de julho. Os demais encontros acontecerão nos dias 27, na zona leste, e primeiro e três de agosto, nas partes sul e norte da Capital, respectivamente. Para o secretário municipal de Governo, Carlos Roberto da Costa, a participação popular simboliza uma experiência única aos munícipes, que terão a chance de serem ouvidos e acompanharem a gestão municipal por sua própria perspectiva.

“Este é um momento muito rico, porque eles nos ajudarão a dimensionar as carências da cidade pela ótica mais clínica, que é a das comunidades que movimentam as regiões onde se encontram. Ali todos os participantes terão a oportunidade de opinar sobre os serviços prestados pela Prefeitura e serão diretamente envolvidos no processo de melhoria de toda a cidade. As audiências são valiosas porque estas pessoas que vivem a realidade dos bairros vão nos auxiliar quanto às prioridades locais e quais são as intervenções mais importantes que precisam ser feitas com nossos recursos. Esse debate aberto faz com que o foco saia do gestor e passe para a população, permitindo que a cidade avance estrutural e socialmente, mediante as lacunas sinalizadas pelos moradores e demais munícipes que respiram cada uma destas regiões. Através dessa iniciativa, veremos os cuiabanos gerindo Cuiabá”, pontuou.

Esta dinâmica de engajamento idealizada pela Prefeitura também é um reflexo do modelo de gestão diferenciado implantado pelo prefeito Emanuel Pinheiro. Segundo Adrien, o município quer aplicar a cultura de planejamento no setor público, onde os programas de governo, as ações e demais projetos possam estar delineados pontualmente, evitando gastos incoerentes e uma prestação de serviço morosa e ineficaz.

“Planejamento é tudo e nós não queremos conduzir o futuro da nossa Cuiabá de forma desordenada e imprudente. O Plano Plurianual é uma exigência que deve ser cumprida e visa aparelhar sistematicamente as mudanças que serão desenvolvidas em todos os âmbitos. No instante em que finalizarmos o PPA, após a participação popular, conseguiremos demarcar as metas correspondentes a cada secretaria, que contará com um acompanhamento mensal para certificar que há um bom andamento nestes processos. Isso nos permitirá caminhar em congruência, executando ações pautadas pela organização, que são conduzidas no menor tempo possível e que sejam feitas com economia de recursos. Essa proatividade em levar a gestão pública aos bairros da cidade faz parte dessa cultura que estamos instaurando e tem tudo a ver com a humanização”, concluiu o gestor.

Confira os locais e respectivos horários das audiências públicas:

REGIONAL OESTE

Data: Terça-feira, 25 de julho

Horário: 19h

Local: Escola Alina Tocantins, na Avenida Ipiranga, 2.560 – Cidade Alta

REGIONAL LESTE

Data: Quinta-feira, 27 de julho

Horário: 19h

Local: Igreja Shekinah, bairro Dr. Fábio II

REGIONAL SUL

Data: Terça-feira, 01 de agosto

Horário: 19h

Local: União Coxipoense de Associações de Moradores, Rua Pau Brasil, 23 – Jardim das Palmeiras

REGIÃO NORTE

Data: Quinta-feira, 03 de agosto

Horário: 19h

Local: Centro Comunitário, bairro CPA II

 

Fonte: cuiaba.mt.gov.br

Sobre o Autor