Anatomia Política – Julho/2012 – Eleições 2012/Rondônia

199

(Coluna publicada na Revista Enquete – edição 01)

Dejanir Haverroth
www.dejahaverroth.blogspot.com

Nesta terça-feira, 10/07, após o fechamento desta edição da ENQUETE (a edição foi fechada no domingo, 08), serão divulgados os registros das candidaturas deste pleito de 2012 pelos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs). É possível que alguma coisa se altere, alguns registros sejam negados, candidatos desistam e passem a apoiar outro, enfim.
Fora isso, todas as cartadas dessa primeira rodada de preparativo para o jogo já foram mostradas. Até agora quem deu as cartas foram os partidos, mas é chagada a hora do povo determinar a sorte de cada participante.
>>>
Porto Velho – Na capital a indefinição dos eleitores é grande e o número de candidatos também. Mauro Nazif lidera as enquetes do IRPE nesse período pré-convenções, mas os seus próprios eleitores afirmam que toda eleição municipal é assim: Nazif começa bem e termina mal. Talvez seja diferente neste ano.
>>>
Ariquemes – Na terra de Confúcio o PMDB tropeçou, balançou, resmungou, mas acabou se alindo ao Deputado Lourival Amorim. Foi em vão o esforço do Senador Valdir Raupp na tentativa de lançar o jornalista Ricardo Schwantz como candidato da sigla.
Dois grupos liderados por deputados brigaram pelo partido do Governo: O DEM, de Adelino Folador, e o nanico PMN, de Lorival Amorim. Como a política é mesmo uma caixinha de surpresas, o eterno aliado de Confúcio, Folador, não pode contar com o partido do amigo desta vez.
>>>
Jarú – Na terra dos Muletas vai ser briga de foice. Só será possível prever o rumo dessas eleições quando confirmada a participação da petista professora Sônia. Caso dê zebra no registro a petista (conforme pregam seus adversários), os caminhos se abrem para o atual vice-prefeito, Flavio Correa (PSD). Pelo que apontam as enquetes do IRPE, só um milagre para manter os Muletas no poder em Jarú.
>>>
Definidos – Em quatro municípios da região central não há dúvidas sobre o resultado deste ano. Enquetes do IRPE apontam larga vantagem de Jesualdo Pires (PSB) em Ji-paraná, Alex Testoni (PSD) em Ouro Preto, Cesar Cassol (PP) em Rolim de Moura e Glaucione Rodrigues (PSDC) em Cacoal.
>>>
Cartada – Em Pimenta Bueno o Deputado Kaka lançou seu irmão caçula, Jean Mendonça, em uma manobra de mestre. Na arrancada o “menino” disparou, deixando para traz muitos fortes adversários. Mas a vitória não está segura. Kleiton Roque (PSB) se aliou ao PT e conseguiu colocar Marlene Parra como sua vice. A coisa vai esquentar.
>>>
Ainda em Pimenta – O candidato do PMDB definido nas convenções, Chico da Santa Maria, desistiu. Ele não conseguiu encontrar um nome que se dispusesse a ser o seu vice. Em seu lugar entrou Edemir Brasil, que conseguiu convencer Janio do Minas a ombrear com ele como seu vice.
>>>
Abençoado – Perto de Pimenta, na minúscula Primavera, o PMDB lança “Só na Bença”, uma das figuras mais carismáticas da política de Rondônia. Muito vai se ouvir falar desse personagem nos próximos anos.
>>>
Vilhena – No Portal da Amazônia dois fatores devem determinar o resultado desse pelito. A derrocada de Luizinho Goebel (PV) – consequência da queda de Valter Araújo – e impedimento legal da candidatura de Melki Donadon (PTB) fez com que os eleitores se aproximassem mais do atual prefeito, José Rover (PP). Segundo enquetes do IRPE, Rover lidera com larga vantagem.
>>>
Caminho livre – O candidato a prefeito na Cidade de Cabixi, eleito no ano passado como “prefeito tampão”, não terá adversário este ano. Se Izael Dias Moreira (PTB) não tropeçar nos próprios pés, terá o pleito garantido. Ele só precisará de 50% dos votos válidos e mais um voto para se garantir no poder. Segundo enquetes do IRPE, mesmo com adversários, ele teria larga vantagem.
>>>
Mestre – Quem está dando show no cenário político de Rondônia é o Deputado Lebrão, da região do Vale do Guaporé. Além de ter tido uma atuação elogiada pela crítica na Assembleia Legislativa (ALE), seu apoio está sendo fundamental para políticos de sua região. O exemplo é sua filha, em São Francisco, que lidera com larga vantagem a corrida pela prefeitura. Gislaine Lebrão não conseguiu evitar seu apelido de “Lebrinha”, porque é assim que ela é chamada pelos seus eleitores.
>>>
Partidos – A organização dos partidos está sendo fundamental nesse ano. Um destaque especial para PDT, que sairá reforçado em todos os municípios do Estado. Já o PMDB terá muitas baixas. Na maioria dos municípios o partido do Governo está com problemas internos de liderança. Se Raupp ou Confúcio não interferirem, a coisa tende a piorar. “Reino dividido não subsiste”.
>>>
Esclarecimento – Foram citadas algumas enquetes nesta coluna. Para cumprir a lei, esclarecemos que: “As enquetes não são pesquisas eleitorais. São sondagens feitas sem os critérios metodológicos das pesquisas, sem controle de amostra, dependendo apenas da participação espontânea dos eleitores. Sua publicação sem registro no TRE é assegurada pelo Art. 33 da lei nº 9.504/97”.

 




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *