Articulação do deputado Anderson garante prorrogação do Concurso da PM e convocação de aprovados para curso de formação

360

O esforço concentrado do deputado Anderson do Singeperon (Pros) junto ao Governo do Estado, culminou com a publicação no Diário Oficial do Estado do decreto que prorroga por mais dois anos o prazo de validade do concurso público da Polícia Militar, realizado em 2014.

O Decreto nº 22.855, de 18 de maio de 2018, assinado pelo governador Daniel Pereira, foi publicado no Diário Oficial do Estado de Rondônia, no mesmo dia 18.

“Quando fui procurado pelos candidatos aprovados para ajudar na questão, não ficamos no discurso. Fomos atrás, nos reunimos com a Casa Civil, Procuradoria Geral do Estado e outros órgãos envolvidos para resolver a situação. Quero agradecer, principalmente, o governador Daniel Pereira por ser sensível à causa e ter compreendido a urgência nessa prorrogação”, ressaltou o parlamentar.

Anderson também destacou que a prorrogação proporcionará economia aos cofres públicos e agilidade à Administração Pública. “Como não será preciso organizar outro certame, isso sem dúvida vai ajudar na economia de recursos e, principalmente, na contratação mais rápida desses novos policiais para reforçar a segurança da população”, finalizou.

Acordo

Para selar a situação dos remanescentes do concurso da PM, o deputado Anderson participou na manhã de terça-feira (22) de reunião no Auditório da Governadoria, onde o Governo do Estado e o Poder Legislativo firmaram junto aos candidatos o compromisso para convocação de até o limite de 400 aprovados para o Curso de Formação para a Polícia Militar e até o limite de 33 para o Corpo de Bombeiros Militar.

Na presença do chefe do Executivo, o governador Daniel Pereira, secretário chefe da Casa Civil, Eurípedes Miranda, secretário Executivo do Gabinete do Governador, Marcelo Correa, secretário de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania, Ronimar Jobim, bem como dos deputados estaduais Maurão de Carvalho (MDB), Jesuíno Boabaid (PMN), Hermínio Coelho (PDT) e Léo Moraes (Podemos), ficou acordado que a disponibilidade financeira para execução dos cursos de formação vai sair do orçamento da Assembleia Legislativa.

Ficou ainda registrado em ata que o presente acordo não prejudicará a aprovação da reestruturação dos Quadros de Pessoal da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar do Estado de Rondônia.

Assessoria de Comunicação
PressArt Comunicação




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *