Compromisso da Fiero e Senai é difundir novas tecnologias como o BIM, diz Marcelo Thomé

85

Uma das mais importantes inovações gerenciais dos últimos anos, Building Information Modelling ou Modelagem da Informação na Construção BIM, representa uma ferramenta revolucionária para a construção civil, trazendo importantes mudanças tecnológicas para o setor. Com o objetivo de disseminar esta tecnologia em Rondônia, o Sistema Fiero através do Senai e em parceria com a Amazoncad e Autodesk, realizou nesta quinta-feira, 25, o BIM DAY, que pela primeira vez acontece em Porto Velho. O evento reuniu, no salão de convenções da Casa da Indústria, na capital, três especialistas, que ministraram palestras para empresários, estudantes, diretores e conselheiros da Fiero, sobre a nova ferramenta BIM.

O presidente da Fiero, Marcelo Thomé explica que com o decreto 9.377, do Governo Federal, há um prazo, para paulatinamente, a ferramenta BIM ser adotada pelos projetistas, construtoras, pela área pública. “A partir de 2021 só poderão ser desenvolvidos projetos através do BIM (Modelagem de Informação da Construção). O fato é que essa ferramenta traz muitas vantagens, dentre elas, a melhor gestão do projeto”. Ele destaca a importância do BIM para o incremento da produtividade. “Este fator, a meu ver, será indispensável no próximo ano, quando se espera um aumento da demanda por obras. Thomé observa que o governo sinaliza a obrigatoriedade futura da adoção do BIM nos contratos de execução de obras”.

Marcelo Thomé reiterou o compromisso do Sistema Fiero e do Senai como indutores de inovação e novas tecnologias para Rondônia. “Já iniciamos as tratativas para firmar uma parceria do Senai Rondônia e a Autodesk, para que sejamos difusores no estado, inicialmente a partir de Porto Velho, desta tecnologia para darmos suporte à indústria da construção civil na adoção da tecnologia BIM”, afirma.

Segundo o gerente BIM da Amazoncad, Alexandre Cardoso, que ministrou juntamente com o gerente comercial Luciano Garcia, palestra dinâmica de como o BIM está sendo usado no Brasil e quais as vantagens desta ferramenta atualmente no mercado nacional. Garcia ressalta que como o BIM traz muitas vantagens, tanto o mercado privado e o público está aceitando relativamente bem essa nova tecnologia que vai diminuir o volume de trabalho, trará economia mais qualitativo, faz essa tecnologia ser bem aceita.

 

“A ideia de trazer o BIM DAY para a Fiero e Senai”, explica Garcia, tem o objetivo de disseminar essa tecnologia na região, afinal o Senai é o principal parceiro educacional técnico do estado. Não enxergamos outra instituição que tenha capacidade de trazer estas informações para o público local”, elogia. “Enquanto representantes da Autodesk, vamos demonstrar como implementar o BIM a partir do que chamamos de coleção de softwares da Autodesk. Na medida em que as empresas adotarem essas novas tecnologias, elas estarão quebrando um paradigma, mudando a forma de fazer projetos. A partir do BIM, tudo muda e hoje, temos o protagonismo do governo federal que difunde a necessidade do BIM, que contribui para a otimização dos recursos públicos e diminuição de tempo na execução dos projetos. Estes são os dois principais objetivos deste evento”, comenta.

A parceria com o Senai se dá em todo o Brasil há anos. Existe uma relação próxima entre a instituição e a Autodesk. “Nós da Amazoncad, como produtores de valor agregado, como centro oficial de treinamento da Autodesk e certificação, através do Senai Rondônia conseguiremos preparar essa mão de obra, que se faz emergencial e extremamente necessária. A melhor forma de promover essa quebra de paradigma, é através de uma instituição tão respeitada e reconhecida internacionalmente como o Senai, que promove formação técnica da melhor qualidade”, afirma.

Segundo David Silva Pinto, consultor de tecnologia BIM, que falou sobre orçamento de obras utilizando modelos BIM, assertividade, agilidade, precisão, qualidade dos dados. “O mundo BIM traz todas essas vantagens para quem trabalha com orçamento, que é o coração do negócio. Todos querem saber quanto custa a obra. Envolve todas as fases do projeto e custos. Ele destacou a parceria com a Fiero e o Senai como fundamental, pois a Federação é a instituição que movimenta e vai além do fomento de novas ações de tecnologia, mas gera negócios. O BIM vai fazer com haja mais negócios e eficientes e por isso juntar tecnologia a este público.

Jória Lima, empresária da área da educação e tecnologia disse que o tema chamou sua atenção, a tecnologia se aplica no dia a dia de todos e quem não estiver antenado vai ficar para trás. “É importante difundir essas tecnologias e a Fiero está de parabéns pela iniciativa”, finaliza.

Assessoria de Comunicação Social do Sistema Fiero




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *