Eleições em Vilhena: Japonês vai a 42% e Rosani tem 30,2%, aponta pesquisa do IHPEC

134

Levantamento também mostra Rildo com 12,5%; Paulinho, 6,1%; e Miguel, 1,8%

Pesquisa do Instituto Haverroth de Política, Estatística e Comunicação (IHPEC) divulgada neste sábado, 7, indica os seguintes percentuais de intenção de voto para os candidatos que disputam o cargo de prefeito de Vilhena nas Eleições 2020:

Eduardo Japonês (PV): 42,0%

Rosani Donadon (PSC): 30,2%

Coronel Rildo (Podemos): 12,5%

Paulinho da Argamazon (Republicanos): 6,1%

Miguel Câmara (PSB)        : 1,8%

Não soube responder: 7,4%

Pelos números apresentados pelo IHPEC, o prefeito Eduardo Japonês (PV) se mantém em primeiro na escolha do eleitor, assim como aparece em todas as pesquisas anteriores, realizadas pelo mesmo instituto esse ano. Neste último apontamento, Japonês está 11,8% à frente da ex-prefeita Rosani Donadon, que é a segunda colocada nas intenções de voto.

O candidato Coronel Rildo (Podemos) vem em terceiro lugar na disputa, com 12,5%. Em quarto está Paulinho da Argamazon (Republicanos), com 6,1%. Em seguida vem Miguel Câmara (PSB), com 1,8%. E os que não souberam responder somaram 7,4%.

A PESQUISA

O levantamento, contratado pelo próprio IHPEC, ouviu 595 eleitores na cidade de Vilhena com 16 anos ou mais de idade, nos dias 4 e 5 de novembro de 2020, em sondagem estimulada, que é quando se apresenta as opções de nomes dos candidatos aos entrevistados.

A margem de erro é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos. E o intervalo de confiança empregado é de 95%. Isso significa que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro. A pesquisa foi registrada na Justiça Eleitoral sob o número de identificação RO-01907/2020.

Fonte: IHPEC




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *