Rede municipal realiza atendimento diferenciado para alunos da Educação Especial através das atividades não presenciais

69

Conteúdo personalizado é ofertado de acordo com as necessidades do aluno e de sua família

Através das atividades não presenciais, professores do Atendimento Educacional Especializado (AEE) da rede municipal de Vilhena têm elaborado diferentes estratégias para ofertar conteúdos personalizados aos cerca de 350 alunos da Educação Especial.

O professor Willian Braga, secretário municipal de Educação, explica que o material didático é desenvolvido conforme as necessidades de cada aluno em acordo com as normas da Base Nacional Comum Curricular (BNCC).

“Os nossos professores estão bem envolvidos com essa nova forma de ensino. Todos os dias eles se reinventam, preparando atividades adaptadas de acordo com a necessidades do aluno e de sua família, para melhor atendê-los”, diz.

Segundo a gerente da Educação Especial da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Rosania Lucas, o acompanhamento é realizado por meio de plataformas online ou aplicativos, onde as professoras enviam os conteúdos por foto, vídeo ou áudio, e recebem as devolutivas dos pais dos alunos.

Além das atividades onlines, as escolas municipais também estão disponibilizando material de apoio com atividades impressas e jogos pedagógicos nas unidades de ensino.

“Alguns conteúdos são adaptados através de jogos pedagógicos e atividades lúdicas para que as nossas crianças possam alcançar os objetivos de aprendizagem”, explica Rosania.

Para os alunos que residem na área rural de Vilhena, a Semed segue realizando a entrega dos conteúdos em um ponto de apoio combinado previamente, juntamente com a equipe escolar.

Atualmente a rede municipal de Educação de Vilhena conta com 37 professoras e 24 salas de AEE distribuídas em 24 unidades de ensino, da área rural e urbana.

 

FONTE: Semcom




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *